terça-feira, 1 de janeiro de 2008


como não me cicatriza a mania dos tops, deixo a esbordar a hora, uma limitada apreciação do ano 2007.


os álbuns dos Panda Bear, LCD Soundsystem, National, MIA, Caribou, Beirut, Battles,… figuram por aí em vastas listas, mas 2007 trouxe muito mais… na verdade, apetece gritar “vivam os velhinhos” pois tivemos




assim como álbuns muito bons de Siouxsie Sioux, The Young Gods, Jay Jay Johansson, sem esquecer o Volta da Bjork, Einsturzende Neubauten, Durutti Column ou Patti Smith

o ano 2007 rebentou ainda com discos para recordar, como






sem esquecer Deerhunter, Film School, The Cinematic Orchestra, Panda Bear, Tarwater, Blonde Redhead, Cocorosie, Feist, Colleen, Laura Veirs, Animal Collective, ou Oi Va Voi

no final do ano caíram-me nas mãos





e o mundo não foi o mesmo.

assim e para 2008 espero ainda não Mudar de Bina

6 comentários:

Ângela disse...

Concordo, e muito, com as escolhas :)

Beijo *

Mark. disse...

Lista diversificada a sua. Acrescentaria "Our Ills Wills" (SHOUT OUT LOUDS), "Dins" e "Early Violence" (PSYCHIC ILLS) (ambos de 2006 mas descobri só em 2007. "Volk Tour" (LAIBACH), "The Moving Frontier" (PRAM), "Release The Stars" (RUFUS WAINWRIGHT), e "Those Revolutionary Days" (MECANO).

O Homem que Sabia Demasiado disse...

Boas referências. Grinderman foi um excelente regresso de Cave, assim como o disco da sempre profícua PJ Harvey.
Saudações,
VA

filipe brito disse...

field e burial são dois dos melhores... mas é impossível conhecer tudo o que foi feito de bom... a electrónica é um mundo feito a partir de casa!
...
eu acho que ainda estou longe de descobrir os melhores de 2002!

antónio disse...

daí, a palavra "limitada", logo no início do post, meu caro watson ;-)

e hoje a listagem já não seria igual, como invocava camões...

abraço

wellvis disse...

Belíssimo este disco do Jens Lekman...um dos albuns do ano, sem sombra de dúvida. Panda Bear é que não me disse absolutamente nada...

Wellington Almeida